O que rolou em 2018 – as melhores viagens do ano na Europa e Brasil

Por Josiane Bravo
26 comentários

E 2018 está chegando ao fim, um ano inesquecível e recheado de conquistas e viagens . Foi o ano que eu mais viajei. Ao todo foram 11 países na Europa e várias cidades visitadas.

Eu fiz um intercâmbio na Holanda e morei no país dos moinhos por um ano. Como os países da Europa ficam coladinhos e a facilidade de encontrar promoções áreas é grande, não teve outra, sempre que tinha uma folga ou férias aproveitava para conhecer um novo destino.

“Viaje e volte com a mala repleta de alegria, sorrisos, lindas recordações e ótimas histórias para contar”

E para encerrar o ano com chave de ouro, veja aqui as melhores viagens de 2018 para te inspirar em 2019.

Leia também: As melhores viagens de 2016 para te inspirar na sua próxima viagem

Janeiro – Florença e Milão (Itália)

Pensa na alegria de passar a virada do ano viajando. No entanto, encontrar uma passagem barata em uma das épocas do ano mais agitadas não foi fácil. Além disso, hotéis e hostels dobram o preço da estadia em dezembro.

O primeiro destino foi Milão (isso ainda em 2017), depois fui para Veneza e terminei passando a virada do ano na linda e histórica Florença.

Em Florença eu fiquei encantada com a bela Ponte Vechhio, o pôr do sol na Praça Michelangelo (que vista panorâmica incrível) e a linda Catedral de Santa Maria del Fiore.

Ao todo foram 6 dias de muita comilança na Itália. Que país maravilhoso, que comida deliciosa, e comparando com outros países, achei barato viajar de trem na Itália. Já conhecem? Eu não vejo a hora de voltar e a Itália já está nos planos de viagens para 2019.

Ponte Vecchio em Florença

Fevereiro – Londres (Inglaterra)

Não é a toa que Londres é uma das queridinhas entre as capitais da Europa. Foram apenas 4 dias na capital da Inglaterra, sendo que no último dia eu deixei de conhecer muita coisa já que uma nevasca atrapalhou os planos.

Eu amei demais Londres e fui embora com gostinho de quero mais. Afinal, a cidade é enorme e recheada de atrações. Para conhecer Londres com calma, a dica é reservar no mínimo uns 5 dias.

Entre as atrações que eu mais gostei de conhecer destacam-se o bairro Notting Hill, que virou uma atração turística por conta das casinhas coloridas de arquitetura vitoriana e também foi o bairro escolhido para servir de cenário para o filme “Uma Lugar Chamado Notting Hill” (com Júlia Roberts).

Março – Luxemburgo e França

E como folga e feriado prolongado (páscoa) é motivo para colocar o pé na estrada, eu e minhas amigas au pairs programamos uma road trip de última hora. Nem tivemos tempo para pesquisar nada, simplesmente decidimos que seria o momento ideal para conhecer os países vizinhos da Holanda.

Em cinco amigas, alugamos um carro e em apenas três dias conhecemos três países (Luxemburgo, França e Bélgica). O grande foco da viagem seria conhecer os vilarejos fofos da região da Alsácia na França.

Luxemburgo

No primeiro dia já na ida para a França, como era caminho paramos para explorar a cidade de Luxemburgo, que fica em um dos menores países da Europa, porém um dos mais ricos. Foi rápida a visita e em menos de 4 horas conhecemos os principais pontos turísticos da cidade.

O que mais me chamou a atenção em Luxemburgo foi a linda vista do que é chamado de “a varanda mais bonita do mundo”, Corniche é o nome dessa atração linda que rende altas fotos.

Região da Alsácia – França

Já na França, no segundo dia exploramos os vilarejos mega fotogênicos da região da Alsácia, que parecem ter saído de um livro de conto de fadas de tão fofos, foram elas: Estrasburgo, Riquewihr e Ribeauvillé. Essas cidadezinhas entraram na lista das mais fotogênicas que já conheci e elas fazem parte da famosa Rota do Vinho (passeio romântico para fazer com o namorado, fica a dica).

Faltou conhecer a charmosa Colmar e Eguisheim, mas não tinha como abraçar o mundo né. Para conhecer a região da Alsácia com calma recomendo uns 3 ou 4 dias no mínimo.

Abril – República Checa – Áustria e Hungria

Férias oficial de 10 dias (obaaa), planejei uma viagem para conhecer 3 países do leste europeu.

Fui de avião de Amsterdam-Praga, de Praga-Viena de trem, e de Viena-Budapeste de Flixbus (ônibus).

Praga

Reservei 3 dias para conhecer a histórica e linda Praga, capital da República Checa. E ainda contei com uma local para me mostrar a cidade e fiquei hospedada na casa dessa minha amiga que é checa. A experiência na cidade foi ainda mais incrível já que tive a oportunidade de ver de pertinho como os checos vivem, o que comem, etc.

Praga, que cidade é essa, que arquitetura de tirar o fôlego, tantas pontes e prédios históricos. E o que falar do Castelo de Praga que pode ser visto de longe ⇓ Já sonhando com o dia de voltar. A minha favorita na Europa.

Rodeada por uma paisagem montanhosa, Praga também é um destino para aqueles que curtem fazer pequenas trilhas. E toda essa beleza por um bom custo benefício, a República Checa é um país relativamente barato.

Viena

Confesso que não morri de amores pela capital da Áustria, mas acho que com apenas um dia e meio na cidade não tem como eu opinar muito, afinal, foi uma passagem muito rápida e pouco tempo para conhecer Viena com calma.

Budapeste

Assim como Praga, a capital da Hungria me conquistou de uma maneira que entrou para a lista das cidades mais belas que conheci na Europa. Barata, com arquitetura linda de tirar o fôlego e uma cidade recheada de história e atrações para todos os gostos, não é a toa que atrai tantos turistas todos os dias.

Os destaques dos lugares mais lindos de Budapeste vão para o Castelo de Buda, a vista panorâmica incrível nos mirantes do Bastião do Pescador e a Basílica de Santo Estevão.

Mas com apenas dois dias não foi possível conhecer tudo o que a cidade tem a oferecer, queria ficar lá pelo menos mais 2 dias para ir tomar um relaxante banho nas piscinas termais.

Agosto – Dublin (Irlanda)

A capital e a maior cidade da Irlanda sempre esteve na listinha das cidades europeias que eu mais tinha vontade de conhecer. Inclusive, antes de fazer meu primeiro intercâmbio (nos Estados Unidos), eu tinha planos de ir para a Irlanda para estudar inglês.

Foram apenas dois dias em Dublin, mas o suficiente para conhecer os principais pontos turísticos. E ainda contei com uma amiga que já morou na cidade que me mostrou tudo, inclusive aqueles lugarzinhos escondidos que só os locais conhecem.

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Uma publicação compartilhada por Josiane Bravo✈️ (@umaturistanasnuvens) em


Eu amei a vibe dos irlandeses e claro, as cervejas e os pubs dispensam comentários, incrível. Outro destaque vai para as lindas portas coloridas no estilo georgiano. Nem precisa dizer, pirei e quis tirar fotos em quase todas a portinhas que via (os apaixonados por portas e janelas entenderam).

Setembro – França e Espanha

Terminei meu intercâmbio (au pair) em agosto, mas ainda quis ficar mais um mês na Europa com o visto de turista para fazer mais uma viagem de 10 dias. Foram 3 dias em Paris, 4 dias em Barcelona e 3 dias em Mallorca.

De Amsterdam para Paris eu fui de Flixbus. E os demais destinos o transporte foi de avião.

Paris

Não poderia voltar para o Brasil sem conhecer uma das cidades mais visitadas e lindas do mundo. Confesso que não criei muito expectativas, pois ouvi relatos de amigas que ficaram um pouco decepcionadas com a cidade que é cara e deixa a desejar com segurança.

Modesta parte, concordo com os relatos que ouvi, mas como não tem cidade perfeita nesse mundão, digo que Paris é sim uma cidade linda e recheada de atrações para todos os gostos.

Paris tem tantos museus que fica difícil conhecer tudo em apenas uma viagem. Acho que a experiência é mais completa quando a viagem tem a duração de no mínimo uns 5 dias. Não tem como vivenciar Paris em apenas 2 ou 3 dias.

E o que falar da arquitetura maravilhosa? São tantos detalhes que a dica é caminhar atento e olhar as portas de Paris. E a Torre Eiffel faz jus de ser um dos lugares mais fotografados do mundo. Ela pode ser vista em quase todos os lugares da cidade. E a beleza a Catedral de Notre Dame me deixou de queixo caído.

Barcelona

Barcelona superou todas as minhas expectativas. O curioso é que eu não tinha vontade de conhecer a cidade, mas fui motivada por umas amigas que foram e amaram. Nem precisa dizer que foi amor à primeira vista.

Em Barcelona eu encontrei com meu namorado holandês e a viagem foi mais que especial, parecia que eu estava em uma lua de mel. Nos 4 dias que estive lá comi de tudo de melhor que a culinária local tem a oferecer. Paella e tapas por um preço camarada.

Diferente de Paris e Londres (as cidades mais caras na Europa que visitei em 2018), comer em Barcelona é super barato. Com menos de 20 euros dá para tirar a barriga da miséria e comer comida de boa qualidade (por mais tapas e preços camaradas nas demais capitais europeias).

Dentre os destaques de Barcelona eu amei conhecer o Parque Guell, a lindíssima Sagrada Família, a Praça Espanha, caminhar pelo calçadão de Barceloneta, visitar o bairro Gótico e ver a arquitetura linda da região, sentar para tomar um cafezinho na Praça Real. Como disse, foi uma viagem romântica já que foi a minha primeira viagem com meu namorado.

Mallorca

E uma das minhas últimas viagens na Europa foi um destino de praia, afinal, ainda era verão. Como estava em Barcelona, quis explorar pelo menos uma das Ilhas Baleares da Espanha. Escolhi Mallorca pelo fato de ser mais fácil se locomover com o uso do transporte público (não ia alugar carro).

No total, os 3 dias que reservei para conhecer Mallorca foi a mesma coisa que nada, digo isso porque é impossível vivenciar tudo o que a ilha tem de melhor em pouco tempo. Eu fiquei apaixonada com toda a beleza de Mallorca e um pouco chateada que não tinha como conhecer toda a ilha.

Eu amei tanto Mallorca que já estou planejando voltar no futuro, mas da próxima vez quero ir acompanhada e alugar um carro para conhecer toda a ilha, pois tem muitas praias que não são acessíveis de transporte público.

Catedral de Palma de Maiorca

No geral, o que deu para fazer foi conhecer a maior cidade da ilha em dois dias (Palma de Maiorca), e reservei um dia para visitar dois vilarejos super fofos que eu super indico, Deia e Valldemossa. As duas aldeias são rodeadas por uma paisagem linda da Serra Tramontana. E ainda fiz uma pequena trilha em Deià até a linda praia de Cala Deià.

Holanda

E além de conhecer vários países na Europa em 2018, como estava morando na Holanda, também rolou muitas viagens dentro do país nos finais de semana.

Apesar da terrinha dos moinhos ser um país pequeno, não é só de Amsterdam que a Holanda se baseia. Além dos famosos campos de tulipas (que tive o privilégio de ver de pertinho em maio), o país também abriga várias cidades e vilarejos charmosos que merecem uma visita como Zaanse Schans, Giethoorn, Breda, castelos, Utrecht, Roterdã, Maastricht, Leiden e muito mais.

Leia também: Castelo de Haar – visite o maior castelo da Holanda (e o mais lindo)

No total, eu visitei mais de 20 cidades holandesas só em 2018. Aqui no blog já tem alguns posts com dicas da Holanda, veja todos aqui.

Castelo de Haar – Holanda

Novembro – Florianópolis e Bombinhas (Santa Catarina)

E depois de 2 meses de volta para o Brasil, o namorado holandês que mora em Amsterdam veio me visitar (já viram que tô xonada né). Claro que essa foi a oportunidade de fazer uma nova viagem para fechar o ano com chave de ouro.

Dessa vez eu quis explorar pela primeira vez as belezas do sul do Brasil. Eu sou do interior de São Paulo e como a distância é curta, preferi ir de carro. No caminho ainda deu para conhecer Curitiba, que foi base para a paradinha de descanso e pernoite.

Florianópolis

Quis fazer uma viagem bem de boa, sem correria para aproveitar o morzão em um dos destinos mais famosos do Sul do Brasil, Florianópolis.

Fiquei 7 dias em Floripa e se pudesse teria ficado muito mais. Ô lugar para ser lindo.

Foram 7 dias que passamos em um chalé super aconchegante em meio a mata atlântica (pelo Airbnb). E o que mais gostamos na ilha foram as Dunas da Joaquina, a Ilha do Campeche e seus quatis que divertem os turistas, pôr do sol em Santo Antonio de Lisboa, comer o famoso pastel de camarão com suco de caldo de cana no Mercado Público de Florianópolis e a trilha da Lagoinha do Leste.

Bombinhas

Ainda no estado de Santa Catarina, não poderia faltar Bombinhas no roteiro, um destino que fica coladinho com Florianópolis.

Bombinhas é uma península, que apesar de ser bem menor que Floripa, tem praias maravilhosas.

Eu e meu namorado gostamos mais de Bombinhas do que Floripa quando o assunto são praias. Achamos as praias de lá bem mais bonitas e ainda tem duas delas que são perfeitas para a prática do mergulho (snorkelling).

O Tom (namorado) é apaixonado por peixes e se divertiu como criança quando viu a quantidade de peixinhos (e até tartarugas) na Praia da Lagoinha (nossa preferida em Bombinhas). Além dela, a Praia da Sepultura também não pode faltar.

E Bombinhas ainda conta com praias para os surfistas e praias mais urbanizadas. E para deixar a viagem ainda mais perfeita, ficamos hospedados em uma casa de frente para a Praia da Lagoinha (reserva pelo booking.com).

Praia da Lagoinha em Bombinhas – Santa Catarina

São Paulo

Eu sou do interior de São Paulo e apesar de morar super pertinho da capital, conheço muito pouco da cidade da garoa. Aproveitei a companhia do namorado para mostrá-lo as atrações turísticas de lá em 3 dias. Pela segunda vez, fui no Beco do Batman conferir os novos murais, além de outros passeios.

Leia também: Arte de rua e grafite em São Paulo no Beco do Batman – Vila Madalena


Desabafo: o lado negativo dessas andanças em 2018 é que acabei focando mais nas viagens e quis aproveitar ao máximo o meu tempo livre na Holanda para conhecer as cidades holandesas. O resultado disso é que deixei o blog um pouco de lado e olha a vergonha, não tem nenhum post sobre essas viagens? Metas para 2019, escrever mais conteúdo 😉


Como viram, o ano de 2018 foi maravilhoso, mas ressaltando que nem sempre a vida é assim. Cada ano reserva uma surpresa, seja boa ou ruim. Em 2015 fui diagnosticada com um câncer no sangue (Linfoma de Hodgkin). Fiz tratamento com quimioterapia, fiquei careca e fiquei um ano afastada do trabalho e basicamente mais de 6 meses sem poder viajar.

Em resumo, a vida é feita de altos e baixos, este foi um ano de muitas conquistas e espero que o próximo ano seja ainda melhor. O que quero ressaltar é que tem anos melhores, outros nem tanto. Nem sempre o ano é recheado de viagens seja por problemas financeiros, alguma doença entre outros pormenores.

“Que o ANO NOVO traga a força necessária para corremos atrás dos nossos objetivos” e “Que o destino que você visitar te traga as mais lindas memórias”. Feliz Ano Novo

Quais destes destinos você já visitou ou tem vontade de conhecer? E a curiosa aqui quer saber, já tem viagens programadas para 2019?

Abraços
Josiane Bravo


Este post faz parte de uma Blogagem Coletiva com o tema escolhido “Retrospectiva 2018”. Confira o que os outros blogueiros de viagem escreveram e aproveite e já faça a sua wishlist de viagens para 2019.

26 comentários
0

Leia também

26 comentários

minhacachorraraisha 28 de dezembro de 2018 - 12:41

Um prospero Ano Novo(2019), com muita paz, amor, alegrias e felicidades e muitas realizações, muita luz.

Responder
Josiane Bravo 28 de dezembro de 2018 - 14:25

Muito obrigada pelo carinho. Um Feliz Ano Novo pra ti, que 2019 seja ainda melhor para todos nós. Abraços e até o próximo ano 🙂

Responder
D&D Mundo Afora (@dedmundoafora) 28 de dezembro de 2018 - 20:21

Estivemos em alguns destes lugares neste ano…. Lugares incríveis, né!!!! Feliz 2019…. E muitas viagens na bagagem neste próximo ano…

Responder
Josiane Bravo 1 de janeiro de 2019 - 21:34

Muito obrigada 🙂 E como são incríveis, por mais destinos como estes neste 2019.

Responder
tharsilafernanda 30 de dezembro de 2018 - 00:43

Gente que retrospectiva incrível! Conheço boa parte das cidades que visitou esse ano e fiquei super saudosa lendo seu post. Feliz ano novo e muitas viagens para todos nós em 2019. Beijos

Responder
Josiane Bravo 20 de janeiro de 2019 - 23:14

Muito obrigada Tharsila 🙂 Abraços

Responder
Ana Carolina Miranda 30 de dezembro de 2018 - 12:33

Nossa Josiane, quanto destino maravilhosos!!! Adoro a Europa e quero voltar em breve para conhecer outras cidades. Já anotei algumas dicas! Feliz 2019 para você recheado de viagens! Bjs

Responder
Josiane Bravo 1 de janeiro de 2019 - 21:34

Muito obrigada Ana 🙂 Feliz 2019

Responder
tripsdoleo 30 de dezembro de 2018 - 16:27

Josiane… bem como vc falou… tem anos melhores e outros nem tanto… Pelo jeito, 2018 foi bacana… cada lugar lindo na Europa! Fico feliz por vc e pelo “môzão” ter vindo te visitar! Fiquei curiosa: ele gostou do Brasil? Espero que sim!!
Um 2019 maravilhoso pra vcs!!! (ah, tb sou do interior de SP! Onde vc mora?)

Responder
Josiane Bravo 20 de janeiro de 2019 - 23:13

Olá Liliane tudo bom. Muito obrigada 🙂 Meu namorado amou Floripa e Bombinhas, inclusive disse que a estrada entre São Paulo até Floripa está entre uma das mais belas que já percorreu, ele amou a paisagem da mata atlântica e o fato da rodovia toda ser rodeada por muito verde. E viciou no pão de queijo e açaí hehe. Ele já esteve no Brasil em 2012, ficou aqui por 2 meses, então essa foi a segunda vez aqui (já fala até umas palavrinhas em português).
E eu sou de Salto, pertinho de Itu e Indaiatuba 🙂
Abraços

Responder
Gisele Prosdocimi 1 de janeiro de 2019 - 05:14

Oi, Josi, seus destinos foram realmente incríveis, compreendo perfeitamente não ter dedicado tanto tempo ao blog, não ia dar tempo e isto é bastante compreensível.
Morei um mês em Toronto, Canadá, entre novembro e dezembro, e não fiz nenhum post neste período também, a gente precisa priorizar as coisas, não é?
Ou a gente viaja ou a gente escreve sobre onde viajou, rsrs.
Dos destinos citados aqui conheço Florença, Milão, Budapeste, Paris e São Paulo, o restante foi correndo pra lista de tão lindas suas fotos.
Grande beijo, desejo muita saúde e paz para você no Novo Ano!

Responder
Josiane Bravo 1 de janeiro de 2019 - 21:33

Oi Gisele, muito obrigada 🙂 Que possamos ter um 2019 tão bom quanto 2018. E você está certa rs, tem que priorizar este tempo precioso de morar e ter a oportunidade de explorar um país novo. Ainda vou ter muito tempo para colocar os posts em dias este ano hehe (assim espero).
Um ótimo início de 2019 Gisele. Abraços

Responder
angelicaribeiro 2 de janeiro de 2019 - 02:17

Oi Josiane, que linda a sua retrospectiva, uma lição para todos nós que nos cobramos tanto! Eu também não consegui escrever todos os post que gostaria, mas vida que segue! Não sabia do seu diagnóstico de 2015, fico feliz em te ver feliz e linda nas fotos, e apaixonada rsrs. Que 2019 te traga mais momentos especiais, amor, saúde e claro, viagens, muitas viagens!!! Beijão.

Responder
Filipe Morato Gomes 2 de janeiro de 2019 - 12:27

Um ano muito bem aproveitado, parabéns. Desejo um 2019 com saúde, muitas viagens e sucesso para o blog. Grande abraço.

Responder
viagensinvisiveis 2 de janeiro de 2019 - 23:15

Que viagens de sonho! Que 2019 seja ainda mais recheado de aventuras!

Responder
palomadiasgarcia 3 de janeiro de 2019 - 00:21

Adoro suas viagens, destinos e fotos lindas, recordar esses momentos é tão bão né, adorei a sua, 🙂

Responder
Diego Cabraitz Arena 5 de janeiro de 2019 - 15:00

Que demais essa eurotrip! Estou planejando uma para este ano! Tomara que role, ai passo para pegar mais dicas! bom 2019 para vocês

Responder
Josiane Bravo 10 de janeiro de 2019 - 14:50

Oi Diego, muito obrigada. Torcendo aqui para que em 2019 sua eurotrip role 🙂 Abraços e feliz 2019

Responder
Marcia 6 de janeiro de 2019 - 21:21

Não tem nada que ter vergonha, Josiane, você fez certinho: aproveitou seu tempo para curtir, pode escrever depois, vamos ler do mesmo jeito!
Feliz 2019 para você e muitas viagens mais!

Responder
Josiane Bravo 10 de janeiro de 2019 - 14:49

Muito obrigada Marcia 🙂 Feliz 2019

Responder
manunomundoblog 11 de janeiro de 2019 - 16:55

Josiane, não sei se gostei mais do conteúdo ou das fotos! que post incrível!! Amei viajar com você nessa retrospectiva 2018! Espero que em 2019 possamos nos encontrar em algum destino! Já pensou! 🤗 Adorei a forma que você escreve!

Responder
Josiane Bravo 20 de janeiro de 2019 - 22:57

Oi Manu, muito obrigada hehe. Achei bacana reunir minhas fotos prediletas de 2019 aqui neste post 🙂 E muito obrigada pelo elogio. Que este ano seja maravilhoso para você, recheado de muitas conquistas e novas viagens.
Abraços

Responder
Juliana Rios (Juny) 13 de janeiro de 2019 - 10:02

Que ano incrível! Quantas fotos lindas!
Você merece tudo isso, depois de toda a sua luta contra o câncer. Meu pai passou por isso ano passado e sei como é dificil todo o processo.
E quanto ao blog, não se preocupe, agora que você voltou da viagem vai ter muito tempo para escrever sobre todos esses lugares que você visitou.

Responder
Josiane Bravo 20 de janeiro de 2019 - 22:55

Oi Juliana, muito obrigada pelo carinho 🙂 É uma doença que abala todos, mas nada que o tempo não cure não é. Feliz que seu pai se recuperou também.
Abraços Juny

Responder
cynara00 16 de janeiro de 2019 - 00:37

2018 parece ter sido excelente pra você, aproveitou muito bem o fato de estar morando na Europa. Sabia do seu problema de saúde e vê-la falar sobre ele assim com tanta simplicidade mostra que você é uma pessoa de fibra. Desejo um 2019 lindo pra você. Por aqui por enquanto teremos Las Vegas e San Francisco com amigos em maio e Orlando com os filhos em agosto mas estou torcendo que essa lista aumente :).

Responder
Josiane Bravo 20 de janeiro de 2019 - 22:48

Oi Cynara, muito obrigada pelo carinho 🙂 Meu 2019 foi realmente inesquecível e espero que este ano seja ainda melhor para nós.
Eu sou apaixonada por San Francisco, morei lá pertinho da cidade por um ano e sou louca para voltar. Las Vegas também é incrível. E que essa lista aumente hehe. Por aqui eu tenho Ubatuba, França e Holanda este ano, e se possível, Itália de novo.
Abraços e boas viagens neste ano de 2019.

Responder

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Ao continuar utilizando o site, suponho que está tudo bem para você, Beleza, por mim tudo bem.