Roteiro de 8 dias pela Califórnia, Las Vegas e Grand Canyon

Viajar de carro na Califórnia é um sonho, pois durante a viagem é possível conhecer vários lugares famosos dos Estados Unidos, assim como as principais cidades da costa oeste do país como Los Angeles e San Francisco. O difícil mesmo é escolher quais cidades conhecer e qual roteiro seguir. Com base na minha viagem, confira aqui todas as dicas para um roteiro de 8 na Califórnia, Grand Canyon e Las Vegas.

Como se locomover

A melhor maneira de conhecer a Califórnia é alugando um carro. Com preços bem camaradas, é possível alugar um veículo ótimo por 35 dólares a diária nos Estados Unidos. Eu aluguei  um Toyota Corolla e adorei a escolha, um carro super econômico e confortável. A reserva foi feita online e com antecedência pela Fox Rental, que na época foi um dos mais baratos que encontrei. Para mais informações de como alugar o carro e sobre como dirigir na Califórnia, entre outras dicas, confira este post aqui do blog Mulher Casada Viaja.

Obs: Eu peguei o carro em Las Vegas e só o devolvi no último dia da viagem no aeroporto de San Francisco.

Roteiro de viagem de 8 dias na Califórnia – Las Vegas e Grand Canyon

Dia 1: Las Vegas  (Nevada) + Bate e volta até o West Grand Canyon (Arizona)
Dia 2: Las Vegas
Dia 3: Calico Ghost Town  + Los Angeles (Califórnia)
Dia 4: Los Angeles (Universal Studios) + Santa Mônica
Dia 5: Bate e volta de Los Angeles até San Diego e Laguna Beach
Dia 6: Beverly Hills – Malibu – Santa Barbara
Dia 7: San Francisco
Dia 8: San Francisco

Obs: este roteiro ficou bem corrido, mas como a vontade de abraçar o mundo e de conhecer vários lugares em apenas 8 dias foi maior, então essa foi a solução para tentar incluir as principais cidades da Califórnia nessa viagem. Algo que eu faria diferente se fizesse essa viagem hoje: tiraria o bate e volta até San Diego, pois a cidade é linda e merece mais que 1 dia para conhecê-la.

Fiz essa viagem com outras amigas, e nossa road trip começou em Las Vegas. Cheguei lá na sexta à noite super cansada, mas para não perder tempo, já fui logo explorar a “night” de Vegas. Fui na balada na Hakkasan e o meu conselho é, tente colocar o nome na lista antes se você conhecer algum “promoter”, assim você garante a sua entrada e não paga para entrar 🙂

Primeiro dia

Para aproveitar cada segundo, a dica é acordar bem cedo. O primeiro dia foi reservado para fazer um bate e volta até  o Grand Canyon. A escolha foi de ir ao West Grand Canyon, a parte do parque que fica mais próxima de Las Vegas, em torno de 2 horas de carro.

Obs: o Grand Canyon do lado leste é conhecido por ser o mais bonito, mas ele fica um pouco longe de Vegas, por isso não é aconselhado para fazer o bate e volta.

Grand Canyon
Grand Canyon

A viagem de carro até o Grand Canyon é linda, você estará dirigindo pelo deserto 🙂 E na volta para Vegas paramos na Represa Hoover Dam, que abastece toda Las Vegas. Para mais dicas sobre este bate e volta, confira este post aqui ⇓

Leia mais: Bate-volta de Las Vegas ao Grand Canyon West 

Represa Hoover Dam
Represa Hoover Dam

De volta à Las Vegas, por incrível que pareça ainda sobrou tempo para ir ao famoso letreiro e claro, para curtir a noite na cidade que nunca dorme. Aproveitei para curtir um pouco do casino do hotel onde estava hospedada (Hotel Flamingo) e balada para fechar o dia com chave de ouro.

Segundo dia

Durante a manhã aproveitamos para turistar na strip, aquela rua famosa de Las Vegas onde tem os hotéis casinos mais luxuosos. Tentamos entrar em alguns dos principais hotéis para tirar fotos, mas como o tempo era curto, não foi possível ver todos.

Se você tiver mais tempo disponível, recomendo pelos menos uns 2 dias para conhecer os hotéis com calma, pois eles são maravilhosos e a vontade que tive foi de passar o dia todo admirando cada detalhe da decoração e arquitetura dos prédios

Avenida Strip em Las Vegas nos Estados Unidos
Vista da  avenida Strip

À tarde, reservamos para a pool party (famosa festa na piscina) com o DJ Tiesto. Compramos nossos ingressos com antecedência pelo site da Wet Republic. Durante à noite fomos ver a dança das águas na frente do hotel Bellagio, e não teve balada, pois tínhamos que levantar bem cedo no dia seguinte para partir para o nosso próximo destino, Los Angeles. Confira este post aqui para mais dicas de Vegas e lugares para conhecer ⇓

Leia mais:  O que fazer na fabulosa Las Vegas

dança das águas em Las Vegas nos Estados Unidos
Dança das águas durante a noite

Terceiro dia

Pé na estrada e Los Angeles nos espere. Durante a viagem para LA (em média 4 horas de Las Vegas), paramos em uma pequena cidade fantasma, Calico Ghost TownEssa é uma cidade inabitada, que só funciona durante o dia como um lugar turístico. Confira este post aqui para mais detalhes e fotos dessa cidade fofa que lembra um cenário de filmes do velho oeste ⇓

Leia mais: Calico Ghost Town: uma cidade fantasma na Califórnia

Calico Ghost Town
Entrada da cidade fantasma Calico

Chegamos em Los Angeles durante à tarde e ainda sobrou tempo para conhecer a calçada da fama, a casa que serviu de cenário para uma das cenas  do filme “Uma Linda Mulher” e o famoso letreiro de Hollywood (em breve tem post com dicas do que fazer em Los Angeles)

Hollywood em Los Angeles nos Estados Unidos - roteiro de 8 dias na Califórnia
Los Angeles-Hollywood

Quarto dia

Dia reservado para a diversão em um dos parques temáticos mais famosos dos Estados Unidos, o Universal Studios de Hollywood que fica no norte de Los Angeles. Eu super indico o parque que é uma mistura de estúdio de cinema com parque temático. Para mais detalhes sobre este passeio, confira este post aqui ⇓

Leia mais: Dicas sobre o passeio de 1 dia no parque Universal Studios Hollywood

No final da tarde, o nosso destino final do dia foi para Santa Mônica, uma das principais praias de Los Angeles. Infelizmente, não deu para aproveitar muito, pois quando chegamos já estava escuro. Deu para conhecer o famoso pier de Santa Mônica, onde fica o Pacific Park, um parque lindo de diversão familiar e lugar onde se encontra o final da famosa Rota 66.

Pacific Park em Santa Mônica

Como deu para perceber, essa viagem foi uma correria só. Santa Mônica por exemplo é um lugar lindo e que merece pelos menos metade de 1 dia.

Quinto dia

Com decisão de última hora, decidimos fazer um bate e volta para San Diego, que fica em torno de 2 horas de Los Angeles. Claro que não conseguimos ver muita coisa por lá, mas valeu a pena conhecer a praia (Pacific Beach) e a famosa estátua do casal em que um marinheiro está beijando uma enfermeira, que fica localizada ao lado do USS Midway.

San Diego na California nos Estados Unidos - roteiro de 8 dias na Califórnia
San Diego

Na volta de San Diego para Los Angeles paramos em Laguna Beach, uma das praias mais lindas da Califórnia na minha opinião. Como chegamos quase no final da tarde, só deu tempo para ir no Heisler Park, um parque maravilhoso onde é possível ter vistas espetaculares da cidade vista do alto. Além disso, aproveitamos para ver um lindo pôr do sol na Main Beach, uma praia situada na região central da cidade que tem um calçadão bem agradável para uma caminhada.

E para terminar o dia em Laguna Beach, a dica é, depois do pôr do sol, tem vários restaurantes espalhados no centrinho da cidade, em Main Beach. Eu fui no BJ´s Restaurant e adorei.

Obs: se tiver mais tempo no seu roteiro, reserve pelo menos 1 dia todo para explorar as belezas dessa cidadezinha praiana que é puro charme. O parque Heisler que mencionei é cheio de atrações e lindas paisagens, além dele dá acesso para as prainhas.

Laguna Beach - roteiro de 8 dias na Califórnia
Heisler Park em Laguna Beach

Sexto dia

Dia de se despedir de Los Angeles para por o pé na estrada rumo a San Francisco, mas antes de partir fomos conhecer a queridinha de Los Angeles, Beverly Hills. Andamos pelas luxuosas ruas da Rodeo Drive e fomos conhecer a casa do Michael Jackon. Confira este post aqui para mais dicas do que fazer na cidade ⇓

Leia mais: Passeando em Beverly Hills e Rodeo Drive

Depois de Beverly Hills seguimos nossa viagem e aproveitamos para parar nas belíssimas praias de Malibu e Santa Barbara para tirar algumas fotos.

Malibu - roteiro de 8 dias na Califórnia
Malibu

A viagem de carro de Los Angeles até San Francisco é simplesmente maravilhosa, mas uma pena que passamos na Highway 1 (considerada uma das estradas mais lindas dos Estados Unidos) quando já estava escuro. Então a dica é, se quiser parar nos mirantes durante o trajeto, deixe para fazer este percurso durante o dia.

Sétimo dia

Dia de conhecer uma das cidades mais famosas da Califórnia, San Francisco, onde se encontra uma das mais belas pontes do mundo, a Golden Gate Bridge

Dica importante: é frio em San Francisco durante o verão, por este motivo, certifique-se de levar um agasalho para se proteger do vento que é terrível nessa época do ano.

Nós reservamos 2 dias  para lá, mas como morei pertinho de San Francisco depois dessa viagem, digo uma coisa, se tiver mais tempo que isso, a dica é de pelo menos uns 4 (ou mais) dias para conhecer a cidade com calma.

No primeiro dia em San Francisco conheci a Golden Gate Bridge, Union Square, Alamo Square e Lombart Street. Confira este post aqui com todas as dicas das atrações da cidade ⇓

Leia mais: O que fazer em San Francisco

Alamo Square - roteiro de 8 dias na Califórnia
Alamo Square

Oitavo dia

Último dia da viagem dos sonhos e ele foi reservado para conhecer o Golden Gate Park (um parque enorme, cheio de atrações), Pier 39, e novamente a Golden Gate Bridge. Como tem muita neblina em San Francisco, no primeiro dia a ponte estava totalmente coberta pela famosa fog, ou seja, tivemos que voltar lá em um outro horário para mais uma tentativa de ter uma foto legal.

Dica: deixe para visitá-la no horário da tarde, depois da 1h, pois se for durante a manhã as chances de ver a ponte toda coberta de neblina é maior.

Leia também: San Francisco: 14 lugares para ver a ponte Golden Gate

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Golden Gate Bridge

E se você quiser conhecer apenas a Califórnia, a Camila do blog Ensaios de Viagem fez a viagem pela costa do estado, passando pela Highway 1confira este roteiro de 9 dias aqui.

E aqui vou dá uma outra sugestão, o blog Viagens Cine também fez essa viagem, mas ao contrário da minha, foram 21 dias na estrada, incluindo destinos como Yosemite Park e Rota 66. Confira aqui o roteiro.


Detalhes do custo da viagem e lugares que fiquei hospedada

Valores em dólares $ (referência para a data que fizemos essa viagem, em 2013)

  • Las Vegas: Hotel Flamingo (em torno de $380.00 por 3 diárias, dividido em 4 pessoas). Pelas pesquisar que fiz, este hotel está incluído entre um dos mais baratos na Strip.
  • Los Angeles: Hostel Banana Bungalow, diária 35.76. Tinha cozinha no quarto e estacionamento dentro do hostel, e café da manhã incluso, algo simples, porém já ajuda a passar a fome. Nota 10 para o albergue e localização. Super recomendo.
  • San FranciscoUSA Hostel de San Francisco (Downtown), paguei $50.00. Tem café da manhã incluso que por sinal eu adorei, e a cozinha comunitária do hostel é ótima. O albergue tem uma ótima localização, pois como fica no centro, ele fica perto de vários pontos turísticos como a Union Square.
  • Universal Studios: valor do ticket foi de 80.00 dólares. Foi salgadinho, mas valeu a pena cada centavinho gastado (no caso, “dolinha”). A diversão é garantida 😉

Eu economizei bastante nessa viagem porque basicamente todas as refeições foram feitas na cozinha dos hostels onde me hospedei. Fazia lanchinhos todos os dias para levar para os passeios. O único lugar que não deu para fazer isso foi em Las Vegas, pois lá tive o prazer de me hospedar em um hotel de luxo hehe.

Agora conta pra mim, você é do tipo de viajante que curte se hospedar em albergues ou hotéis? É do do tipo mochileiro como eu? E por fim, tem alguma dica ou sugestão de roteiro diferente? Essa é uma viagem que merece pelo menos uns 20 dias para conhecer os lugares com calma, mas como nem sempre a realidade e o dinheiro permite isso, é possível se divertir bastante em apenas 8 dias 😉 Abraços


***Leia também***


***Receba mais dicas de viagem***


Para salvar no seu Pinterest ⇓

Gostou do post? Se sim, aproveita para ajudar essa turista que tanta ama viajar a continuar escrevendo e dando dicas no blog, é bem simples 😉 Para reservar qualquer hotel com vários destinos ao redor do mundo, a dica é o booking.com. Ao fazer sua reserva por um dos banners ou por este link abaixo, você não gasta nenhum centavinho a mais por isso e ainda ajuda o blog com uma pequena comissão. Abraços e até a próxima 🙂 Josiane Bravo



Booking.com


Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


 

12 Replies to “Roteiro de 8 dias pela Califórnia, Las Vegas e Grand Canyon”

  1. […] E agora você deve está se perguntando, mas Josy, o que fazer em Las Vegas? De acordo com a minha viagem, vou descreve sobre o que não deve faltar no seu roteiro para lá. Eu não fiz tudo o que vou descrever por falta de tempo, pois só fiquei 2 dias em Las Vegas, que era um lugar que estava incluído na minha road trip pela California e Grand Canyon (se você quiser saber mais sobre minha road trip Clique aqui) […]

  2. […] do frio, do calor, da neve, do deserto, de cidades badaladas, de lugares mais calmos, de praias, road trips, trilhas, tudo isso você pode encontrar nos Estados Unidos, pois a diversidade de atrações […]

  3. […] aproveite essa oportunidade para “tirar a barriga da miséria”😉 Estava fazendo uma road trip quando visitei Calico (de Las Vegas para Los Angeles), e como a intenção era apenas tirar […]

  4. […] falta de tempo, pois só fiquei 2 dias em Las Vegas, que era um lugar que estava incluído na minha Road Trip  pela California e Grand Canyon […]

  5. Parabéns pela riqueza de detalhes em todas as dicas. Essa é a viagem dos meus sonhos!
    Pretendo ir esse ano, só estou tentando decidir a melhor época.
    Em que mês você foi? Gostou de ir nesta época?
    Obrigada!

    1. Muito obrigada pela visita Kelly 🙂 Eu fui nas minhas férias de julho e achei que foi uma época muito boa, durante este mês por exemplo é a temporada das pool parties em Las Vegas. Dependendo da época que você for isso já não é possível, pois ela só acontece no verão. Acho que essa viagem é linda em qualquer mês do ano rs, mas eu evitaria ir durante o inverno. Espero ter ajudado, qualquer dúvida só me gritar aqui nos comentários que ficarei muito feliz em ajudá-la.

      Tenha um bom dia 🙂
      Abraços

      1. Poxa muito obrigada por responder Josiane! Li cada detalhe do seu blog e gostei muitíssimo de todas as dicas! Parabéns!! Li também sobre sua história e desejo de coração que esteja bem e acima de tudo feliz, também passei por problemas sérios de saúde e sei o quão difícil é, mas o importante é “nunca desanimar”. Você falou do inverno e realmente quero fugir desta época, estou pensando em ir no meio de outubro e voltar começo de novembro, espero não pegar frio nesta época rs quero muito ir de São Francisco à Los Angeles pela rota 66 e depois conhecer Las Vegas! E pode deixar que muitas dúvidas surgirão, com certeza vou te gritar por aqui rs Muitíssimo obrigada!

        1. Awww que fofa Kelly, fico tão feliz quando recebo comentários tão carinhosos como o seu 🙂 Muito obrigada. Então, o único lugar que talvez esteja frio durante Novembro é San Francisco, que aliás, é um lugar frio até mesmo durante o verão rs, porque ela fica na baía, e lá venta muito. Do resto, acredito que ainda vai está calor. Ahh, a rota 66 deve ser linda, eu não fiz ela, mas adoraria ter feito. Você vai amar essa road trip, me senti dentro de um filme quando fiz essa viagem.

          Besitos 🙂

  6. Lindo post! Acredita que morei 8 anos em Los Angeles e Laguna é a única praia na costa sul que nunca fui? Vai entender… parabéns pelo post

    1. Muito obrigada Paulo 🙂 Nossa, não acredito que não conheceu Laguna rs, agora você tem um motivo para voltar para lá. Laguna Beach foi uma das praias mais lindas que achei na California.
      Beijos

  7. Vocês são rápidas hein? Fiquei 15 dias e não deu tempo de fazer tudo o que vocês fizeram hahaha. Mas vai parar em cada lugar para tirar mil fotos, dá nisso. Mas tá lindo o roteiro, uma delícia de viagem!

    1. Hahaha, a viagem foi bem corrida Fábio, se pudesse, faria este roteiro com calma 🙂 Até para tirar fotos foi corrido também hehe, mas como na época eu não tinha blog e não ligava muito com fotos, o tempo que passamos em cada lugar foi o suficiente para tirar um foto e ir para o próximo destino (não recomendo kk). Muito obrigada pela visita. Beijos

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: