O que fazer em Mendoza na Argentina: roteiro de 2 dias

Mendoza é uma cidade fofa que fica situada no oeste da Argentina na província de Mendoza, aos pés de uma gigante que pode ser vista de longe, a Cordilheira dos Andes. Além disso, outro destaque é que ela fica localizada em uma das regiões responsáveis por mais de 70% de vinhos do país, ou seja, um verdadeiro paraíso para os apreciadores de um bom vinhozinho.

Além da oportunidade de reservar um dia para relaxar em alguma bodega ou até mesmo se embebedar, as atrações de Mendoza não param por aí. Para os mais aventureiros de plantão, o que não falta são esportes radicais como rafting e alpinismo. E se você nunca viu a neve e tem este sonho, para a alegria do brasileiro, a região montanhosa fica toda coberta de muito branco durante o inverno.

Plaza Independencia

Como chegar em Mendoza?

A maneira mais fácil de chegar até Mendoza é através de voos que saem do Brasil com escala em Buenos Aires. Outra opção bem prática é ir de carro ou ônibus saindo de Santiago, em uma viagem que dura em média 6 horas. Para mais informações sobre como é o percurso saindo da capital do Chile, fiz um post completinho com dicas de companhias de ônibus e tudo sobre como é o trajeto, que por sinal, é rodeado por belíssimas paisagens da Cordilheira dos Andes. Confira aqui.

E se estiver em Buenos Aires, é possível ir de ônibus. E minha dica para quem escolher este meio de transporte é sobre o trajeto noturno, algo que que fiz e adorei. Ao viajar à noite, você tem o privilégio de economizar com uma diária em um hostel/albergue. A viagem dura em torno de 14 horas, e no geral, os ônibus na Argentina são bem confortáveis. A companhia que eu escolhi para fazer essa viagem foi a CATA, uma empresa que faz o trajeto por vários destinos no país e uma das mais famosas.

Paisagem vista da janela do ônibus no trajeto Mendoza a Santiago no Chile

Roteiro de 2 dias em Mendoza

Se você tiver mais tempo, a minha dica é que reserve pelo menos uns 4 dias para explorar Mendoza e região com calma. Apesar da cidade ser pequena, vale ressaltar que a maioria das atrações ficam situadas nas regiões que compõem a província de Mendoza.

Consulte opções de hospedagem em Mendoza

Primeiro dia

O primeiro dia em Mendoza, reservei para conhecer as atrações do centro da cidade e arredores, como o Parque General San Martin.

Parque General San Martin

Trata-se do principal e mais antigo parque de Mendoza, e um dos maiores parques urbanos da Argentina. É possível passar o dia todo neste parque gigante, que está recheado de várias atrações como um Estádio de Futebol, Anfiteatro, lagos, jardins e muito mais.

Lago artificial no Parque General San Martin

Dica: como o parque é imenso, lembre-se de pegar um mapinha no hostel ou hotel onde está hospedado. Muitos lugares disponibilizam os mapas de graça na recepção. E se você preferir, é possível alugar bicicletas no centro de Mendoza ou até mesmo na entrada do parque.

Rua arborizada dentro do parque General San Martin

E coladinho com o Parque General San Martin se encontra o Cerro de La Glória, que trata-se de um morro que tem um monumento e de onde é possível ter uma vista panorâmica da cidade de das montanhas.

O que fazer no centro de Mendoza

O centrinho de Mendoza é um charme e rodeado por praças que proporcionam ótimas áreas de lazer. É possível conhecê-lo em apenas metade do dia, então, se você preferir, pode deixar para fazer o passeio na parte da tarde ou manhã.

O centro é composto por 5 praças, sendo a Plaza Independencia a maior e mais importante delas, situada no meio das demais. Essa praça é enorme e ela é recheada de atrações como jardins, fontes e até museu.

Plaza Independencia

As outras 4 praças do centro de Mendoza são menores, mas cada uma tem seu charme e merece uma visita, são elas: Plaza Chile, Plaza Espãna, Plaza San Martín e Plaza Italia.

Plaza Espãna

A praça que eu mais gostei no centro de Mendoza foi a Plaza Espãna, que é toda toda decorada com azulejos fofos. A Plaza Italia também me agradou bastante.

Plaza Italia

Além das praças, o centro de Mendoza também é muito procurado pelos turistas que amam uma boa gastronomia. A Peatonal Sarmiento é uma rua para pedrestres muito charmosa na cidade e uma das mais movimentadas, nela encontra-se vários restaurantes, cafés e lojas.

Segundo dia – Tour Alta Montanha

Não sou muito fã de tours, mas em Mendoza, uma das melhores maneiras de conhecer os principais pontos turísticos da Cordilheira dos Andes é através da contração de um tour, que é oferecido por várias agências na cidade. O Tour Alta Montanha como é chamado, é daqueles passeios imperdíveis que não pode faltar no seu roteiro. Trata-se de um passeio de um dia inteiro que sai de Mendoza e faz o trajeto pela estrada que liga a Argentina até a fronteira com o Chile.

O passeio é recheado de paisagens exuberantes ao longo de todo o percurso e a grande atração do tour é o Parque Provincial Aconcágua, onde fica um dos pontos mais altos das Américas. No geral, o tour passa pelos seguintes locais:

  • Represa de Potrerillos
  • Vilarejo na cidadezinha de Uspallata
  • Estação de esqui Los Penitentes
  • Puente Del Inca
  • Vilarejo Las Cuevas
  • Parque Provincial Aconcágua

Para mais informações sobre o Tour Alta Montanha, escrevi um post com todas as dicas necessárias para fazer este passeio. Confira ele aqui ⇓

Leia mais: Tour Alta Montanha: passeio de 1 dia na Cordilheira dos Andes

Na estação de esqui Los Penitentes, uma das paradas do Tour Alta Montanha

Terceiro dia – Vinícolas

Mendoza está classificada como uma das maiores produtoras de vinhos do mundo, por isso, a região é muito procurada pelos apreciadores dessa deliciosa bebida. Como eu passei apenas 2 dias na cidade, acabei não fazendo este passeio (arrependimento). Mesmo que você não seja lá muito fã de vinho, acho super válido reservar pelo menos um dia da sua viagem para conhecer as principais vinícolas.

Para mais informações, o blog Meus Roteiros de Viagem tem um post bem informativo com dicas de vinícolas para visitar na região de Mendoza. Confira aqui.

Boa viagem 🙂


***Receba mais dicas de viagem***



Gostou do post? Se sim, aproveita para ajudar essa turista que tanta ama viajar a manter o blog e continuar dando dicas de viagens e muito mais. É bem simples 😉 Para reservar qualquer hotel com vários destinos ao redor do mundo, a dica é o Booking.com. Ao fazer sua reserva por um dos banners do blog ou por este link abaixo, você não gasta nenhum centavinho a mais por isso e ainda me ajuda com uma pequena comissão. Abraços e até a próxima 🙂 Josiane Bravo



Booking.com


23 Replies to “O que fazer em Mendoza na Argentina: roteiro de 2 dias”

  1. Muito bom – na verdade venho descobrindo muita coisa sobre a Argentina que eu não fazia ideia. E gosto muito de posts com mapas – especialmente eu que já chego nos lugares sabendo andar de tanto que estudo mapas… rs

    1. Rs, muito obrigada Paulo, eu também amo mapas, por isso, estou sempre tentando incluí-los nos meus posts 😉 E a Argentina é linda, eu adorei o país.
      Abraços

  2. Gostei de mais do seu post. Não conheço Mendoza e fiquei muito interessado. Várias opções de passeios e bem diversificados.

    1. Muito obrigada 🙂 Tem muita coisa bacana para fazer em Mendoza, eu adorei tudo.
      Abraços

  3. Nossa, nunca imaginei que Mendonza tivesse tantas opções para um turista. O passeio para a Alta Montanha deve ser show hein!

    1. Tem muita coisa para fazer, e este Tour Alta Montanha foi a melhor parte da minha estadia em Mendoza. Ver as Cordilheiras de tão pertinho é uma experiência incrível 😉
      Beijos

  4. Tinha que ter ido às vinícolas sim! Eu fiz o passeio em bicicleta e adorei 🙂 Muuuuito divertido (e meio perigoso depois da segunda degustação ahhaa)

    1. Aww, pois é, deveria ter ido 🙁 mas o tempo foi muito curto para fazer este passeio, uma pena mesmo. Mas ainda devo uma visita a Mendoza e com certeza voltarei para lá para fazer este passeio de bike 😉 Abraços

  5. Quantas opções maravilhosas em Mendoza!! É um lugar que certamente quero visitar quando tiver oportudidade. Adorei! <3

    1. Muito obrigada 🙂 Mendoza é realmente linda.
      Beijos

  6. Que delícia de post… Me deu uma grande saudade desse lugar maravilhoso

    1. Muito obrigada 🙂
      Abraços

  7. Ótimo roteiro por Mendoza, tenho que voltar e fazer todos esses passeios que não fiz! Lindas fotos Josi!

    1. Muito obrigada querida 🙂
      Besitos

  8. Estou planejando ir a Santiago em agosto e adorei saber que Mendoza é perto. Esse seu roteiro de 2 dias está bem bacana e acho que vai deixar minha viagem muito mais interessante!!! Ótima dica!

    1. Muito obrigada Alessandra 🙂 Tenho certeza que vai adorar conhecer Mendoza. Eu amei Santiago também, uma cidade encantadora.
      Abraços

  9. Não conheço e acho que nunca tinha lido sobre Mendoza.
    Seu post está ótimo e me fez concluir que preciso visitar a cidade. Amo vinícolas e natureza. Esse tour da montanha deve ser sensacional!!!

    1. Muito obrigada Carla 🙂

  10. Viviane Carneiro says: Responder

    Adorei o post e as fotos! Estou doida para conhecer Mendonza.

    1. Muito obrigada Viviane 🙂 Abraços

  11. Pô, sempre tive vontade de ir para Mendonza, agora que estou mais longe fica dificil, mas preciso ir.

  12. Um dos lugares que me falta conhecer na Argentina e que mais tenho vontade!!!
    Provavelmente vou fazer junto com alguma trip por Santiago! 🙂

    Adorei as dicas!

    Abraço,

    1. Muito obrigada Murilo 🙂 Santiago e Mendoza foram duas cidades que eu só tenho elogios, gostei demais.

      Abraços

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: