Havaí: O que fazer em 6 dias em Oahu

Aloha 🙂

No ano de 2014 tive a oportunidade de conhecer um dos estados mais isolados dos Estados Unidos, o Havaí, que localiza-se em um arquipélago no meio do Oceano Pacífico. E se você tem planos de conhecer esse destino que é tudo de lindo, neste post quero compartilhar tudo que fiz durante os 6 dias incríveis que passei lá.

Algumas informações sobre o Havaí

O Havaí é um dos cinquenta estados dos Estados Unidos e é formado por 8 ilhas principais de origem vulcânica. É na ilha de Oahu onde se localiza a capital do Havaí, Honolulu.

Roteiro no mapa

Confira aqui esse mapa com todos os pontos turísticos do roteiro de 6 dias na ilha de Oahu.

Curiosidades

No Havaí você vai ouvir Aloha por todos os lugares, é a maneira como os Havaianos se referem a “sejam bem vindos“, como uma forma de saudação.

As pessoas no Havaí são muito educadas e simpáticas, além do Aloha, tem outras palavras que você vai ouvir bastante, como Mahalo, que significa obrigado.

aloha airport
No aeroporto, placa de boas vindas

Se locomovendo

Cheguei no Havaí através do principal aeroporto de Oahu, que fica em Honolulu. Para se locomover na ilha, uma das melhores maneiras é através de carro, assim você terá a liberdade ir e  parar em todos os pontos turísticos que estiver no caminho.

Dirigir em Oahu é uma experiência única, as estradas são cinematográficas e rodeadas de paisagens maravilhosas pela costa da ilha. Então a dica é, se possível, não deixe de alugar um carro, e caso essa não seja a melhor opção para você, não se preocupe, pois há ônibus que fazem o percurso para quase todos os pontos turísticos da ilha, você só precisa saber os horários de funcionamento e as linhas que tem que pegar.

Onde se hospedar

Recomendo ficar hospedado em um dos lugares mais agitados de Oahu, Waikiki, que trata-se de uns dos bairros de Honululu.



Booking.com

Em Waikiki, optei em me hospedar em um hostel, do qual a diária é bem mais em conta. E como estava com mais 3 pessoas nessa viagem, resolvemos pegar um quarto com uma mini quitinete. Nos hospedamos no Waikiki Beachside Hostel, um lugar simples, mas que ficava bem próximo da praia, há apenas um quarteirão.

Leia também: Vantagens de se hospedar em um hostel

waikiki beach
Praia em Waikiki

Primeiro dia

Roteiro: Manoa Falls – Diamond Head – Ko’Olina Lagoons – Makaha Beach

  • Manoa Falls

Para aproveitar cada segundo, o dia começou bem cedo com uma caminhada em Manoa Falls, uma floresta tropical havaiana cheia de bambus, plantas e raízes de árvore. Uma ótima oportunidade para contemplar vários pássaros e se sentir como na serie Lost e o filme Jurassic Park que tiveram algumas cenas gravadas no local.

A trilha é de moderação fácil e a caminhada leva em torno de 45 minutos. No final, depois de passar por muitas árvores e trechos com bambus você chegará até uma cachoeira, que na época que fui estava bem vazia.

Dica: vai preparada para se sujar de lama se você estiver indo em Novembro, pois nessa época do ano chove muito na ilha e alguns trechos da trilha podem está bem lamentos.

manoa falls
Manoa Falls
  • Trilha em Diamond Head

Trata-se de um dos locais onde fica a cratera de um vulcão. Diamond Head fica bem próximo de Waikiki, em torno de uns 15 minutos. Para chegar até o topo cratera onde é possível ter uma vista panorâmica do mar, é preciso fazer uma pequena caminhada que leva em torno de 30 minutos em uma trilha pavimentada.

Tenho um post ⇓ com mais dicas e fotos da trilha de Diamond Head.

Leia mais: A incrível cratera do vulcão Diamond Head em Oahu

diamond head4
Vista para a praia de Waikiki, no mirante de Diamond Head

Onde alugar equipamento de Snorkeling em Waikiki

Como o Havaí é cheio de praias paradisíacas com ótima visibilidade da água, este é um destino perfeito para a prática do mergulho, snorkeling. E para isso, se você não tem os equipamentos apropriados como as nadadeiras e  máscaras, existem vários locais onde é possível alugar esses itens. Eu aluguei o meu em uma loja em Waikiki, no Snorkel Bob’s. Na época, o aluguel para uma semana custou 25 dólares.

  • Ko’Olina lagoons

 A tarde do primeiro dia no paraíso foi reservada para conhecer uma praia super calma, Ko’Olina lagoons, que trata-se de uma lagoa em forma de concha e com vários resorts de luxo nas suas proximidades. Na verdade, são quatro lagoas, uma região que tem até um resort da Disney.

ko'olina lagoon
Ko’Olina Lagoons visto do alto, no avião
  • Makaha

Para terminar seu dia, não deixe de conhecer Makaha, uma praia linda que fica na parte oeste da ilha, em torno de  25 minutos de Ko’Olina lagoons. O que eu mais gostei nessa praia foi que ela é rodeada de uma montanha bem verdinha, além de ser o local onde pude apreciar um belíssimo pôr do sol.

havaí
Pôr do sol em Makaha

Dica extra

O Havaí não é um lugar muito barato para o turista, alimentação lá é caro pra caramba. Por este motivo, comer fora todos os dias em restaurantes é luxo, e até mesmo compras no mercado sai caro para o bolso do turista (os havaianos têm descontos no mercado apresentando a carteira de identidade). O lugar mais em conta para compras, e que eu amei, é no Wallmart . Lá você vai encontrar souvenirs e várias coisinhas para levar de lembrança da ilha, como roupas e chinelinhos decorados com flores, bem no estilo havaiano mesmo.

Em Makaha

Segundo dia

Roteiro: Hanauma Bay – Halona Blowhole lookout – Makapu’u lookout – Lanikai -Luau no Paradise Cove

  • Hanauma Bay

A manhã foi dedicada para conhecer uma das praias mais bonitas em Oahu, Hanauma Bay, que fica na parte Sul da ilha. Essa praia é uma das melhores para a prática do mergulho, e uma dica é chegar bem cedo, pois o estacionamento de lá fica lotado facilmente, e você pode correr o risco de não adquirir sua vaga dependendo do horário. Para estacionar o carro, tem o valor de 1 dólar.

10846456_797710630299547_8018819537600239535_n
Hanauma Bay

A praia é uma reserva ambiental maravilhosa e para você ter acesso a ela, é necessária pagar uma taxa de  $7.50 por pessoa. Antes de ter acesso a um verdadeiro paraíso, você tem que assistir a um vídeo obrigatório de aproximadamente 8 minutos que conta um pouco sobre a história da praia e algumas regras a serem cumpridas.

Lembre-se, caso você tenha planos de voltar na praia um outro dia, deixe o seu nome na lista e guarde o seu ticket, pois você não precisa assistir o vídeo novamente e esperar na longa fila.

Hanauma Bay
  • Halona Blowhole lookout

Depois de Hanauma Bay, a atração foi dirigir em uma rodovia da qual você vai querer parar em vários pontos para fotografar a bela paisagem. O primeiro mirante que parei foi em Halona Blowhole lookoutuma praia formada por pedras vulcânicas, onde a água bate nelas fazendo esguichos. Além da bela vista panorâmica, se tiver um tempinho, você pode descer até a prainha pelo meio das pedras.

Vista para o mar no mirante de Halona Blowhole
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Vista da água batendo na pedra, em Halona Blowhole
  • Makapu’u lookout

Seguindo a rodovia, parei em um outro mirante perfeito para fotos, Makapu’u lookout. O lugar é lindo, com belas vistas para o mar. E se você tiver tempo, algo que não tive, recomendo a trilha que te levará até Makapu’u Lighthouse, que trata-se de um farol lindo.

makapu
Vista para o mar no mirante de Makapu’u
  • Lanikai

Lanikai, a praia que para muitas pessoas é considerada a mais bonita de Oahu, e que eu digo em voz alta, ô lugar com uma beleza sem igual. Com uma água bem cristalina e duas ilhotas que dão o charme para o visual da praia, é neste paraíso onde o ex presidente Obama costuma passar suas férias (lembrando que ele nasceu no Havaí).

10329811_10203717586404406_3169189181031524280_o
Lanikai, uma das praias mias lindas de Oahu
  • Luau no Paradise Cove

O Luau é uma famosa festa havaiana que acontece na beira da praia, com shows de dança Hula e muita comida típica havaiana. E um dos melhores lugares na ilha para ver este espetáculo é no Polynesian Cultural Center, onde além do luau, há outras coisas para fazer durante o dia, como passeio de canoa, etc. Como este lugar fica na parte norte da ilha, o ideal é reservar o dia todo só para isso. Por este motivo, optei em ver o luau em Paradise Cove, que fica situado em Ko’olina lagoons.

Se você se interessou e quiser saber como foi minha experiência, veja este post aqui ⇓ onde conto com mais detalhes sobre como é o luau do Paradise Cove.

Leia mais: Havaí: Como é o luau do Paradise Cove

Luau
Luau e pôr do sol em Paradise Cove

Terceiro Dia

  • Pearl Habor

Dia de conhecer um dos lugares que marcou a história dessa ilha, Pearl Habor. Para relembrar, para os que gostam de história, foi nesta base militar onde os japoneses atacaram os Estados Unidos na segunda guerra mundial. Eles bombardearam o lugar, onde foi atingido o navio USS Arizona, causando a morte de milhares de soldados americanos. Uma história muito triste, e claro que visitar Pearl Habor também será um momento de muita tristeza.

Se você quiser conhecer o local, a atração é paga, mas você tem a chance de conseguir um ingresso gratuito, pois eles oferecem 2000 tickets para as primeiras pessoas. Por esse motivo, tente chegar cedo para garantir seu ticket e economizar, e também tem um horário marcado para chegar até o memorial que é feito através de uma travessia de balsa. Por causa da chuva e ventos, não pude ir até o memorial, pois eles acabaram tendo que cancelar este passeio por motivos de segurança.

Além do USS Arizona Memorial, há outras opções de tours e atrações (que são pagas), como memoriais, museus dentro de navios, submarinos e até mesmo aviões. Se você tem planos de fazer os tours oferecidos, é possível passar o dia todo lá. Eu fiz um outro tour pelo navio USS Battleship Missouri.

Dica: Não pode entrar com bolsas e sacolas, ou seja, se estiver de carro, deixe-os lá, caso contrário tem guarda volumes no local (3 dólares).

pearl harbor
Pearl Habor

Onde comer em Waikiki

De volta em Waikiki, a noite aproveitei para passear, e um lugar que eu super recomendo é o Duke´s Waikiki, um bar e restaurante na beira da praia que tem uma vista maravilhosa. E se for para lá, não deixe de tomar o famoso Mai Tai, que trata-se de uma bebida bem típica no Havaí.

duke´s bar
Bebidas que escolhemos, em Duke´s Waikiki

Quarto dia

Roteiro: North Shore (Turble Beach, Waimea Falls, Shark´s Cove, Bunzai Pipeline e Sunset Beach).

Dia de ir conhecer o lugar favorito dos surfistas, North Shore, que fica na parte Norte da ilha e onde tem as praias com as ondas gigantes mais famosas do mundo.

North Shore fica em torno de 1 hora de Waikiki, e a dica é, opte em ir bem cedo, pois por ser uma parte da ilha bem procurada pelos turistas, o trânsito é bem chatinho na rodovia que tem apenas uma via. Se você for de carro, coloque a cidade Haleiwa no gps para seguir até este lugar lindo.

Haleiwa é o primeiro lugar que você pode parar se quiser conhecer o centrinho da cidade. Lá há vários trailers com várias opções de comida, como camarão, etc. E se você mora nos Estados Unidos, e quiser matar as saudades de uma delícia do Brasil, aproveite o Havaí para comer açaí. Encontrei vários lugares na ilha que vendem essa gostosura, e North Shore foi uma dessas regiões.

north shore
Placa de North Shore
  • Turtle Beach

A primeira praia para você parar em North Shore será Turtle Beach ou Laniakea beach como também é conhecida. A praia é famosa por suas tartarugas que costumam descansar na areia. Infelizmente, como o dia não estava muito ensolarado, elas não estavam na areia, mas eu conseguir avistá-las de longe dentro da água.

Turtle beach
Turtle beach
  • Waimea Falls

Segunda parada do dia, Waimea Falls, que trata-se de uma cachoeira bem bonita que já serviu de cenário para a serie Lost. Para chegar até ela é preciso fazer uma caminhada em uma trilha pavimentada, algo rápido e super fácil. Mas para isso, tem um valor de aproximadamente 14 dólares para entrada.

Quando você chegar na cachoeira, é possível entrar na água para um mergulho, e se você não sabe nadar (meu caso), tem salva vidas disponíveis para os visitantes.

Eu adorei o banho, mas já vou adiantar que a água é bem geladinha.

waimea falls
Cachoeira, em Waimea Falls/North Shore
  • Shark´s Cove

Segunda praia que conheci em North Shore foi  Shark´s Cove, um lugar perfeito para você ver peixinhos de várias espécies e fazer snorkelingEu adorei mergulhar nessa praia, mas como o mar estava agitado, acabei me machucando por causa das ondas fortes, o que me fez bater em uma pedra.

shark´s cove
Shark´s Cove
  • Banzai Pipeline

Terceira praia, a famosa e queridinha pelos surfistas, Banzai Pipeline ou apenas conhecida como Pipeline. Trata-se de uma das praia com as ondas mais altas, onde acontece o campeonato de surf todos os anos. Mas se você quer ver essas gigantes, a pipeline (nome que foi dado para essa onda gigante), isso só acontece durante o inverno. E foi exatamente nessa época que fui para lá, em novembro, durante a semana que estava acontecendo o campeonato de surf que o brasileiro Medina foi campeão.

Como no inverno o mar está violento, não é aconselhável entrar na água, a não ser que você seja um surfista profissional. E o que eu mais gostei nessa parte da ilha foi ver a variedade de surfistas de todas as partes do mundo por lá.

As ondas gigantes em Banzai Pipeline
As ondas gigantes em Banzai Pipeline
  • Sunset Beach

Bem coladinha com a Pipeline fica Sunset Beach, uma das praias mais famosas da ilha para você ver o pôr do sol, que aliás, é maravilhoso.

Por do sol lindo em Sunset Beach
Por do sol lindo em Sunset Beach

Dica extra

Pertinho da praia Pipeline tem um trailer brasileiro na praia. Para mim, foi uma alegria ver que no Havaí foi possível encontrar comida brasileira. Você vai encontrar coxinha, pastel, guaraná, etc. E o trailer é bem procurado pelos surfistas e turistas que passam pelo local.

pipeline
Trailer brasileiro em Pipeline/North Shore

Quinto dia

Roteiro: Kuoloa Ranch – Koko Head Trail

  • Kuola Ranch

Para os apaixonados por filmes e series, não deixem de conhecer Kuola Ranch, local que fica no leste da ilha. Neste lugar já foram gravados vários filmes famosos como: Como Se Fosse A Primeira Vez, Jurassic Park, a serie Lost e Pearl Habor. E se você quiser conhecer este lugar, eles oferecem vários tours como: passeio que leva até os locais onde serviu de cenário para os filmes, passeios de barco, cavalo e até quadriciclos. Confira a descrição dos tours AQUI.

Eu fiz o tour no qual passa pelo cenário onde foram gravados os filmes. O passeio é feito de ônibus e tem duração de pouco mais de 1 hora.

kualoa ranch
Kualoa Ranch
  • Koko Head Trail

Terminei o meu penúltimo dia no paraíso fazendo uma trilha em Koko Head Trail. Trata-se de uma trilha bem desafiadora que é feita através de uma escada enorme com mais de 100o degraus. O bacana dela é que ela leva até um mirante maravilhoso, onde fica um vulcão inativo.

koko head trail
Trilha em Koko Head

Sexto dia

  • Waikiki

Reservei o último dia para explorar a praia mais badalada do Havaí, WaikikiAproveitei para passear pelo cacaldão da praia, e ver a estátua do Duke, que simboliza o pai do surf. Bem na frente da estátua acontece o show de Hula gratuito (dança), todas as terças, quintas e sextas.

1888547_797713476965929_2358029171954737274_n
Praia em Waikiki

Waikiki não é uma das praias mais mais bonitas do Havaí, mas ela é perfeita se você está procurando fazer compras, sem contar nos restaurantes e bares. E para quem quer aproveitar a praia, você tem a opção de surfar dependendo do dia (tem dias que as ondas não estão tão boas para o surf). Outra opção para se divertir é fazer stand up paddle.

waikiki
Waikiki

Mahalo



Gostou do post? Se sim, aproveita para ajudar essa turista que tanta ama viajar a continuar escrevendo e dando dicas no blog, é bem simples 😉 Para reservar qualquer hotel com vários destinos ao redor do mundo, a dica é o booking. Ao fazer sua reserva por um dos banners ou por este link abaixo, você não gasta nenhum centavinho a mais por isso e ainda ajuda o blog com uma pequena comissão. Abraços e até a próxima 🙂 Josiane Bravo



Booking.com



***Confira outros posts dos Estados Unidos***


***Receba mais dicas de viagem***


14 Comment

  1. Você aproveitou muitoo!! Roteiro maravilhoso!!!

    1. Aproveitei sim Barbara, umas das minhas viagens prediletas 🙂 Obrigada

  2. […] viagens durantes esses 2 anos que estive lá e posso te dizer que nunca gastei muito. Fui até no Havaí e Alasca, que são um dos estados mais caros para se visitar e um dos mais […]

  3. Maravilhoso!!!!!! Que sonho!

  4. […] lá durante 6 dias, para quem tem interesse em conhecer essa cidade e quer dicas de roteiro, clique aqui para mais informações sobre o […]

  5. Ótimas dicas!! O Hawai tá na minha listinha!! Abraços

    1. Muito obrigada pelo comentário Renata 🙂 O Havaí é um paraíso

      Abraços

  6. […] Turista Nas Nuvens,, por Josiane Bravo: Havaí: o que fazer em 6 dias em Oahu Confira esse roteiro completíssimo de 6 dias na ilha de Oahu, uma das mais visitadas no Havaí. […]

  7. Olá, Josiane! Amamos praias e o Havaí é um lugar abençoado! Visitamos Oahu também em 2014 e achamos o seu post supeeer completo. As fotos estão incríveis, o conteúdo bem detalhado e muitas atrações interessantes no caminho. O seu post nos deixou com vontade de voltar! Parabéns pela matéria. Abraços, Cristina e Renato.

    1. Muito obrigada Cristina, feliz com o comentário 🙂 Não gosto de ir em lugares que já visitei, mas o Havaí me deixou com uma vontade enorme de voltar. E por incrível que pareça, eu sempre leio esse post rs, é como viajar de novo 😉

      Um grande abraço

    1. Muito obrigada Cris 🙂 Havaí é um sonho de destino não é.
      Beijos

  8. Aloha Josiane. Seu post já me ensinou a primeira palavra que falarei no Havaí. Adorei o post, um sonho de criança conhecer o Havai e participar de um luau havaiano.

    1. Aloha Alexandra. Hehehe, o Havaí é um sonho de destino não é.

      Mahalo
      Beijos

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: