Roteiro de 1 dia no Rio de Janeiro

Um dos cartões postais do Brasil, é na famosa cidade do Rio de Janeiro onde encontra-se uma das sete maravilhas do mundo, o Cristo Redentor. Tema de várias músicas, o Rio é conhecido como “A Cidade Maravilhosa”, um dos lugares onde o nosso país mais recebe visitantes e gringos.

Dizer que é possível conhecer o Rio em apenas um dia é até cruel, mas se você não tem muito tempo, como foi o meu caso, dá para ir em alguns dos principais pontos turísticos da cidade. Mas o recomendado mesmo,  é de pelo menos uns 5 dias para poder conhecer a cidade maravilhosa com calma.

O que fazer no Rio de Janeiro em apenas 1 dia

Comecei o dia acordando bem cedo para  aproveitar o máximo possível. Tomei café da manhã  no hotel mesmo para economizar tempo.

Optei em iniciar o dia indo ao Corcovado, e a dica é, para evitar as longas filas de espera, deixe para ir ao Cristo Redentor bem cedo, assim que abrir, às 8 horas da manhã ou no final da tarde.

Cristo Redentor

Corcovado/ Cristo Redentor

Para chegar ao Cristo Redentor há apenas duas maneiras, de van ou de trenzinho. Eu fui de carro, e deixei-o estacionado no estacionamento das Paineiras (para chegar até lá você vai pegar a Estrada das Paineiras). Comprei meu ingresso lá mesmo, e paguei 35 reais (jun/2015). Como cheguei bem cedinho, não peguei nenhuma fila.

Para mais informações sobre como chegar no Corcovado e como comprar o ingresso, o blog Viaje Na Viaje tem um texto com todas as dicas necessárias.

Cristo Redentor Rio de Janeiro
Vista do Cristo Redentor. Simplesmente linda

Durante o percurso, vi dois macacos pregos pela estrada, e como só tinha eu e mais 2 pessoas dentro da van, o motorista foi bem gentil e parou um pouquinho para eu fotografar os macaquinhos fofos.

Macaco prego na estrada
Macaco prego na estrada

Pão de Açúcar/Trilha do Morro da Urca

Depois de um tempo fotografando a linda vista do alto do corcovado, próxima parada, o Pão de Açúcar. Optei em fazer a trilha do Morro da Urca, e detalhe, é de GRAÇA 🙂  Lembrando que essa trilha não leva até o pão de açúcar, e sim para a primeira parada do bondinho.

Se você quiser pegar o bondinho, tem que comprar seu ticket antes de iniciar a trilha. Para saber mais informações sobre valores, entre aqui no site do Pão de Açúcar.

Pão de Açucar
Pão de Açucar

A entrada da trilha se dá pela Pista Claudio Coutinho, do lado esquerdo da Praia Vermelha, cujo o acesso se dá pelo estacionamento do Círculo Militar, e onde você pode aproveitar para deixar seu carro estacionado.

Pista Claudio Coutinho Rio de Janeiro
Entrada da Pista Claudio Coutinho
Pista Claudio Coutinho Rio de Janeiro
Pista Claudio Coutinho
praia vermelha Rio de Janeiro
Praia Vermelha no Circuito Militar

A trilha do Morro da Urca leva em torno de 30 minutos para chegar até lá em cima. No dia que fui tinha alguns trechos com um pouco de lama, o que acabou deixando a caminhada mais animada, já que alguns pontos estavam bem escorregadios. Eu considero uma trilha fácil, mas para algumas pessoas pode exigir um pouco mais de esforço físico, pois tem alguns lugares que é íngreme e em alguns trechos é formado por degraus naturais com galhos.

 Rio de Janeiro
Vista para o mar na trilha do Morro da Urca

Para você que optar em fazer a trilha, será contemplada(o) com o encontro de vários macaquinhos (micos) durante o percurso 🙂

 Rio de Janeiro
Mico que encontrei na trilha

E quando você chegar lá no PLATÔ DO MORRO DA URCA, lá do alto é possível ver a ponte do Rio Niterói, Corcovado, Cristo Redentor, Aeroporto, Praia do Botafogo e  o mais lindo, o Pão de Açúcar. Lá do alto do morro há restaurantes, sanitários, lanchonetes e até algumas lojinhas (o preço é um pouco salgadinho).

Reserve algum tempo para admirar a vista e ver os aviões que decolam e aterrissam no aeroporto Santos Dummond.

Vista da enseada do Botagofo, Cristo Redentor e Corcovado
Vista da enseada do Botagofo, Cristo Redentor e Corcovado

 Rio de Janeiro

 Rio de Janeiro
Antigo bondinho no platô do Morro da Urca

Se você quiser ir até o Pão de Açúcar de bondinho, te indico este post AQUI do blog Deixe de Frescura, nele você vai encontrar um relato sobre como é o passeio, entre outras informações úteis.

Para mais detalhes sobre a trilha do Morro da Urca, te indico este post do Blog Atravessar Fronteiras.

Praias/Ipanema e Copacabana

Próxima parada, as famosas praias de Ipanema e Copacabana.

Praia de Ipanema Rio de Janeiro
Praia de Ipanema

Depois de Ipanema, sugiro um pulinho na praia de Copacabana. O que eu mais gostei nessa praia foram as esculturas de areia que embelezam o lugar, um show de arte da qual chama a atenção de todos os turistas que passeiam por lá.

Escultura de areia em Copacabana
Escultura de areia em Copacabana

escultura de areia em Copacabana Rio de Janeiro

escultura de areia Rio de Janeiro

Para finalizar sua tarde, nada melhor do que admirar o lindo pôr do sol da Pedra do Arpoadorque fica localizada entre o Forte de Copacabana e Rua Francisco Otaviano com a Avenida Vieira Souto. Infelizmente eu não conseguir ver isso, pois o tempo estava bem nublado 🙁

Pedra do arpoador Rio de Janeiro
Pedra do arpoador

Tem muita coisa para ver no Rio, e se você tiver mais tempo, não deixe de conferir os seguintes lugares: a Praia do Leme (trilha do leme), Leblon, Jardim Botânico, Pedra Bonita, Parque das Ruínas, Pedra da Gávea, Morro dois irmãos, Prainha, Bairro Santa Teresa, Vista Chilena e Confeitaria Colombo no Forte de Copacabana). E aproveite para conhecer uma das novas atrações da cidade maravilhosa, o Museu do Amanhã (a Katarina do blog Outro Blog é quem dá a dica) e o Parque Laje.



Gostou do post? Se sim, aproveita para ajudar essa turista que tanta ama viajar a continuar escrevendo e dando dicas no blog, é bem simples 😉 Para reservar qualquer hotel com vários destinos ao redor do mundo, a dica é o booking. Ao fazer sua reserva por um dos banners ou por este link abaixo, você não gasta nenhum centavinho a mais por isso e ainda ajuda o blog com uma pequena comissão. Abraços e até a próxima 🙂 Josiane Bravo

Booking.com



***Receba mais dicas de viagem***


7 Comment

  1. […] quer que eu faça radio, vou ter que adiar minha viagem😦 A minha última viagem foi para o Rio de Janeiro em julho do ano passado, então imagina como estou me “coçando” para poder viajar e […]

  2. Olha, mas pra um dia é bastante coisa, hein! O Rio é realmente encantador, mas sou suspeita pq é minha cidade, né? E Não pode esquecer de sentar num dos quiosques da praia de copacabana ou assistir o famoso por do sol do Arpoador ou de Ipanema!
    Beijos

    1. Oi Juliana, tudo bom 🙂 Hehe, é muita coisa né, mas para quem está sem muito tempo, no meu caso deu para conhecer todos estes lugares de carro, mas acredito que se fosse usar o transporte público isso já não seria possível. Mas claro que 1 dia não é nada para o Rio. Eu mencionei no post sobre ver o pôr do sol, mas eu mesma não tive essa chance já que o tempo estava nublado 🙁

      Beijos

      1. Ahhh tudo vale a pena quando a alma não é pequena!!! o Rio é lindo e é melhor fazer tudo corridinho e ver bastante coisa do que perder a oportunidade, né? Beijo

        1. hahaha, eu prefiro conhecer os lugares com calma, mas tem viagens que isso nem sempre é possível não é. Foi o caso do Rio 😉 Beijos

  3. Noossa, só lugares maravilhosos!! Adorei o post e as dicas!! O Rio de Janeiro tem lugares incríveis!!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: